Tóquio 2020: Brasil nas semifinais do vôlei masculino pela via rápida

Vitória por 3-0 sobre o Japão permitiu dar mais um passo em direção ao quarto ouro Olímpico. Próximo rival é o Comitê Olímpico Russo no dia

Brasil entrou na Ariake Arena buscando uma vaga nas semifinais do vôlei masculino em Tóquio 2020.

O contexto das duas seleções dava claro favoritismo aos tricampeões Olímpicos, que venceram quatro jogos na fase de grupos, perdendo apenas para o Comitê Olímpico Russo. Já o Japão chegou nas quartas de final com vitórias sobre Venezuela (3-0), Canadá (3-1) e Irã (3-2), e derrotas para Itália (3-1) e Polônia (3-0).

A partida começou equilibrada e o primeiro set só foi fechado ao 25-20 após um ataque japonês que caiu fora da quadra após 31 minutos de jogo. O segundo set foi mais difícil já que os nipônicos chegaram a liderar por 17-16, mas o Brasil virou o placar e com mais um ataque falhado do Japão quebrou a resistência do rival ao 19-17, fechando em 25-22 com Wallace (13 pontos), Lucarelli (12 pontos) e Leal (melhor marcador com 16 pontos) comandando a verde e amarela.

“A gente já tinha na cabeça que eles iriam defender, ter um volume de fundo de quadra muito grande, e a gente teve a paciência no momento de dificuldade. A gente agrediu bastante no saque, dificultou a vida deles. A cobertura vai ser primordial contra o ROC e teremos que bombardeá-los no saque.É uma semifinal que poderia ser uma final.”

Wallace à Globo.

O próximo rival do Brasil é o ROC, que venceu o Canadá nas quartas de final por 3-0. Os europeus foram o algoz da seleção na primeira fase onde venceu por 3-0 (25-22, 25-20 e 25-20) com 19 pontos de Volkov. Há mais de 30 anos que o Brasil não perdia por 3-0 no torneio Olímpico.

Além dos homens, orientados pelo técnico Renan Dal Zotto, também a seleção feminina de Zé Roberto Guimarães pega o ROC nas quartas de final em partida agendada para a próxima quarta-feira, dia 4 de agosto, às 9h30 (horário de Brasília).

Confira a data e o horários dos jogos das semifinais do vôlei masculino em Tóquio 2020:

  • Brasil vs Comitê Olímpico Russo | dia 5 de agosto às 1:00 ou 21:00 horas (horário de Brasília)
  • Itália/Argentina vs Polônia/França | dia 5 de agosto às 1:00 ou 21:00 horas (horário de Brasília)