Roubo a caminhão com caixa contendo cabeças humanas intriga americanos

Novo Kia Stonic mira nicho de mercado com sistema híbrido, mas é o primeiro carro de uma ousada estratégia da marca sul-coreana

 

O aparentemente tranquilo e familiar bairro Central Park, em Denver, foi palco de um roubo pouco usual na quinta-feira (3), quando criminosos pararam um caminhão e levaram uma caixa com cabeças humanas encontrada na carroceria. Desde então, os moradores do bairro estão se perguntando se há algo macabro por trás do ato ou se os ladrões não faziam a menor ideia do que estavam roubando.

“Muito chocante. Eu não vejo tantas coisas estranhas acontecendo nessas redondezas, normalmente, mas nunca se sabe. Eu teria ficado tão aterrorizado”, afirmou Isaac Fields, um morador do bairro que passeava com seu cachorro alguns momentos depois do ocorrido, em entrevista ao canal de TV local KDVR/KWGN.

A dúvida sobre o motivo pelo qual um caminhão carregava restos mortais de pessoas já foi sanada. Segundo a emissora, a caixa azul e branca na qual as cabeças estavam guardadas tinha o termo “Science Care”, referente a um programa de doação de corpos para pesquisas científicas, escrito em suas laterais.

“Bom, na verdade minha mulher está fazendo Ph.D e faz pesquisas na Universidade de Colorado Anschutz. Então, cadáveres definitivamente são usados em certas situações, e eu estou assumindo que esse provavelmente é o caso”, opinou Fields.

A polícia explicou que as cabeças seriam usadas em um estudo realizado por médicos, mas a instituição responsável não foi identificada.

Fora isso, as autoridades se recusaram a passar mais informações, já que a investigação ainda está em andamento. Não é possível saber, portanto, se os criminosos sabiam o conteúdo da caixa, ou se também se surpreenderam com o que roubaram.