Eleições 2022 – Doria recua da desistência de candidatura à Presidência

Depois de ter comunicado a desistência em participar da corrida ao planalto e de renunciar ao mandato de Governador, João Doria recua e comunica o retorno ao plano anterior. Dessa forma, a renúncia deve acontecer até este sábado, dia 02 de abril, prazo final para a desincompatibilização, assumindo o comando do governo estadual o Vice-Governador Rodrigo Garcia.

Ao anunciar a desistência nessa manhã, Doria teria gerado tensão interna no partido, o PSDB. Isso porquê a possibilidade de Doria permanecer no governo estadual foi interpretada como um ultimato que o tucano deu ao partido, ameaçando acabar com toda a construção de candidaturas no maior colégio eleitoral do País e implodir todos os acordos feitos previamente.

Teria sido um blefe para aglutinar o partido em torno da defesa de seu nome, visto que até a alguns dias, correntes internas do tucanato defendiam a substituição do nome de Doria por Eduardo Leite?  A conferir.