OMS se prepara para eventuais ataques químicos da Rússia contra a Ucrânia

O Kremlin informou ter destruído seus estoques de armas químicas em 2017