Band processa igreja Universal por calote

O grupo Band está movendo uma ação contra a Universal. A empresa alega que a igreja está inadimplente em mais de R$ 11 milhões mensais. O valor seria devido em razão de “parceria” na grade do canal, em que a IURD tem 22 horas diárias desde 2013. A informação é exclusiva da coluna de Ricardo Feltrin no UOL e foi publicada na noite da terça-feira (12).

De acordo com o jornalista, a Universal também acionou o grupo Band, por meio da Rede 21, para questionar os valores do contrato. Em fevereiro de 2022 foi noticiado que, de comum acordo, o contrato não seria renovado. Contudo, em dezembro, já havia ação por inadimplência.

Em nota, a igreja de Edir Macedo afirmou que “foi a Igreja Universal do Reino de Deus que propôs uma Ação de Revisão de Contratos contra a Rede 21 […] em razão de descumprimento de uma cláusula do contrato assinado em 2013, que previa investimentos contínuos na expansão da cobertura da emissora”. “A partir do ajuizamento da ação, a Igreja passou a depositar em juízo o valor mensal integral do contrato, de R$ 11,7 milhões”, completou.

Para a Rede 21, “apesar das diversas concessões, a IURD buscou o Judiciário para questionar mais uma vez o contrato, objetivando uma redução, inicialmente por liminar. Tal liminar foi indeferida, estando a Igreja inadimplente”. Este inadimplemento levou a Rede 21 a executar a IURD”, completou.

IstoÉ