Chico e Odir apresentam projeto para reforma e construção do CCZ

O prefeito de Americana, Chico Sardelli, e o vice Odir Demarchi estiveram na tarde desta quinta-feira (19) no Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) para apresentar o projeto de reforma do espaço e construção de um novo prédio para o serviço. Os recursos para viabilização da obra estão sendo pleiteados pela Administração Municipal.

O local está apto a receber as obras após a regularização documental da área que hoje abriga o centro. A escritura do imóvel, adquirido pelo município na gestão do prefeito Omar Najar, foi lavrada em dezembro de 2021 e a matrícula emitida em março deste ano.

De acordo com Chico, o trabalho para esta melhoria está sendo realizado desde o início de 2021, mas apenas com a parte documental finalizada a obra pode ser viabilizada. “Estamos buscando mudar o objeto de uma emenda do deputado Delegado Bruno Lima, de R$500 mil, que era voltada para este fim, mas estava indicada para um outro local que não pode receber as intervenções. Nosso objetivo é que esse recurso seja destinado para a área que já abriga o CCZ e o projeto para isso está pronto, bastando apenas uma autorização dessa alteração por parte do Governo do Estado”, explicou o prefeito.

Ele reforçou que as melhorias para o CCZ são um compromisso do seu mandato. “Temos um olhar especial para a causa animal e desde o início da nossa gestão estamos buscando viabilizar essa reforma, tão necessária para um atendimento digno aos animais e melhores condições de trabalho para os profissionais”, comentou.

A Secretaria de Gestão de Convênios informou que toda a parte documental do imóvel e o projeto estão prontos para a celebração de um futuro convênio que viabilize a obra no local.

A visita foi acompanhada pelos secretários municipais de Meio Ambiente, Fábio Renato de Oliveira, de Obras e Serviços Urbanos, Adriano Alvarenga Camargo Neves, de Gestão de Convênios, Vinícius Zerbetto, pelo coordenador da Defesa Civil, João Miletta, e a médica veterinária responsável pelo CCZ, Aneli Marques.