Criança de 10 anos detido por ameaçar fazer tiroteio em escola na Flórida

“Este não é o momento para agir como um pequeno delinquente. Não é engraçado”, disse o Xerife

 

As autoridades do estado norte-americano da Flórida detiveram um aluno do quinto ano, no sábado, depois de ter ameaçado levar a cabo um tiroteio na escola.

O departamento do Xerife do condado de Lee recebeu uma dica anónima com uma mensagem de texto enviada por um menino de 10 anos da escola primária Patriot, a 28 de maio.

A polícia entrevistou a criança e acabou por detê-la. O jovem foi acusado de ter “feito uma ameaça escrita de levar a cabo um tiroteio em massa”.

“Este não é o momento para agir como um pequeno delinquente. Não é engraçado. Esta criança fez uma ameaça falsa e agora vai experienciar as consequências”, disse o Xerife, citado pelo Independent.


O incidente ocorre menos de uma semana depois de um jovem de 18 anos armado ter aberto fogo na Robb Elementary School, em Uvalde, no Texas, matando 19 crianças e dois adultos. A polícia de Uvalde tem sido criticada por não agir a tempo de parar o atirador, Salvador Ramos.