Historiadores de Carioba promovem oficina cultural

Os Historiadores Independentes de Carioba promovem a oficina “Histórias de Americana: Historiografias Independentes”, em três encontros nos dias 2, 8 e 16 de julho. Os eventos são uma contrapartida da aplicação de recursos da Lei Aldir Blanc de fomento à cultura e têm o objetivo de pautar o diálogo sobre historiografia, crítica historiográfica e escrita da história.

“O registro da nossa história é essencial para a formação da cultura de um povo e esta oficina oferece uma oportunidade para que os americanenses se envolvam ainda mais com a vida de Americana, por isso convido a todos a participarem”, declarou a secretária de Cultura e Turismo, Marcia Gonzaga Faria.

O primeiro encontro presencial será realizado no dia 2, às 14h30, no Centro de Memória Dionyzio de Campos, anexo ao Casarão de Salto de Grande. A proposta da atividade é oferecer aos participantes o contato inicial com conceitos e reflexões sobre a escrita historiográfica, a partir de uma perspectiva crítica.

A segunda atividade acontece online com a entrega das produções da oficina, para que o grupo leia todas as obras a tempo do encontro final, no dia 16, às 14h30, de volta ao Centro de Memória Dionyzio de Campos. A programação de encerramento inclui o compartilhamento de leituras e um debate final.

A participação é gratuita e as vagas são limitadas. Os interessados devem se inscrever através do link: https://forms.gle/V9iubSnSy4ZhjEFWA , para a participação nas oficinas e obtenção do certificado.

Este projeto é realizado com recursos da Lei Aldir Blanc, por meio da Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo, Governo Federal, Secretaria Municipal de Cultura e Turismo e Prefeitura de Americana.